Garrafa 276 – Início de primavera… Quase verão… Quase inverno   2 comments

Apesar de ter ido dormir depois de uma da madrugada, acordei cedo pra buscar o filho que chegou para o fim de semana, vindo de Belo Horizonte, sempre motivo de alegria para toda a família! Além da presença física, presentinhos e mimos na mochila, diretamente de sua recente viagem à Itália e Alemanha. Meu mimo veio diretamente do Salão do Automóvel de Frankfurt. Super chique! Diretamente do stand da MINI, ainda não é o meu Audi A4, mas… Tudo bem!

Na chegada, meu amigo Bem-te-vi nos recepciona com seu canto. Nessa bela manhã de primavera, de ar fresco e limpo, mais motivo de celebração com café quentinho e pãozinho torrado na chapa!

Passei o resto da manhã fazendo a revisão de texto do artigo que será publicado em breve no livro “Leader Coach” do qual participo como coautor. Acho que ficou bom, apesar de ter sido obrigado a lidar com a frustração de cortar muito do que gostaria de dizer, por limitação de espaço. Depois de olhar para o papel várias vezes, em inúmeras revisões, pressinto a cegueira para os “gatinhos” do texto e o pedido de ajuda ao meu amigo Gil, consultor, escritor e “babilaca das letras”, para o seu parecer final, é inevitável. Aguardo por seus comentários precisos e pertinentes. Escolho a frase de abertura, na verdade um breve haicai já postado por aqui sobre o Líder Coach. Seleciono também as três perguntas poderosas para provocar a reflexão dos futuros leitores, que desejo sejam muitos milhares, por que não milhões?

Perdido em pensamentos, sobre os motivos inconscientes da procrastinação que fez com que meus outros artigos e meus próprios livros ainda não tenham sido publicados, passa pela mente a imagem da cigarra e da formiga, aquela da fábula… E, de repente, o canto de uma cigarra me atinge como um raio!

Taquilosparo! A primavera mal começou! Será que perdi alguma coisa? A “máquina do tempo” ataca outra vez? Isso não é “coisa de verão”?
O primeiro canto de cigarra, depois do inverno, também será motivo de celebração, ou apenas e, mais ainda, de preocupação? Ecos de uma terrível premonição – a ameaça do inverno do próximo ano? Formigas trabalhadeiras em festa, cigarras nem tanto…

O tempo não para! Como diz a letra da musica “E mi viene da pensare” do grupo de rock progressivo italiano “Banco del Mutuo Soccorso”: “A primavera é inexorável!”. E penso com meus botões, ao som da cigarra: O verão é inexorável! O outono é inexorável! O inverno é inexorável! E a música continua…

Antes de voltar ao trabalho, atropelado por reflexões mirabolantes, neutrinos, etc… Pausa para um breve haicai:

cigarra cantou
ainda primavera…
verão começou!

Eduardo Leal

Foto de autor desconhecido

Anúncios

Publicado 01/10/2011 por Eduardo Leal em Haicai, Haikai, Haiku, Prosa

Etiquetado com , , , ,

2 Respostas para “Garrafa 276 – Início de primavera… Quase verão… Quase inverno

Assinar os comentários com RSS.

  1. Volta e meio venho aqui, saborear uma boa e relaxante leitura.

    Curtir

    Mirian Voloski

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: