Garrafa 86 – Casamento Sagrado   Leave a comment

O encontro de dois seres que se encontraram a si mesmos ao longo do caminho.

Quando dois seres que conquistaram essa intimidade com eles mesmos conseguem estar plenamente um com o outro – seja pela vida toda, seja por um momento -, o mundo é experimentado com ternura e alimentado pela imagem que eles criaram simplesmente por estarem juntos.

Podem ser amigos ou parentes, amantes, parceiros, ou apenas dois estranhos cujas vidas se cruzaram por um momento. Podem estar contando estórias um ao outro, fazendo amor, dividindo uma tarefa ou sentados em silêncio, juntos. Não importa.

Se depois de encontrar a mim mesma nos momentos vazios, quero e posso entregar tudo o que sou ao outro, recebendo tudo o que ele é, então ficamos verdadeiramente juntos.

Nesse momento, na imagem que criamos por estarmos juntos, somos a manifestação concreta da vida gerando e nutrindo a própria vida.

Essa é a plenitude por que todos ansiamos.

Oriah Mountain Dreamer em “O Convite”
Foto de autor desconhecido

Céu e mar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: